* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *

* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *
"PIMENTORIUM IN ANUS OUTREM REFRESCUS EST"

terça-feira, maio 03, 2016

Ocupação nas escolas de SP.

Impressionante o volume de jovens bobocas que acreditam que ocupar escola para exigir merenda seja algo que se possa chamar de cidadania.
Em primeiro lugar que o estado populista e paternalista inventou essa conversa de dar comidinha para a molecada tirando dos pais a obrigação da suprir ao menos uma refeição por dia para seus filhos.
Aí virão aqueles que berrarão que se não tiver merenda a criança passa o resto do dia sem comer. E eu pergunto: O que o estado tem com isso?
Não foi o estado ou a prefeitura que fez a criança mas tem que ser responsável por ela?
Vão pra potaqueospareu!!!
Quando o estado assume o papel da família a situação invariavelmente sai do controle.
Escola é lugar para dar instrução. Educação, uniforme, material e alimento é obrigação da família.
Estudei em escola pública a vida inteira e nunca recebi "merenda", o máximo que cheguei a receber no ensino fundamental era um chocolate quente no inverno.
Minha mãe preparava minha lancheira todos os dias com pão e manteiga e um achocolatado com leite. E estou aqui, firme e forte. Ahhh!!! Sem contar que meus pais compravam meu uniforme e material. Assim como eu fiz com meus filhos.
Essa porra de mania que o estado tem em tutelar a população acaba tornando o próprio estado e o governante do momento vítima dessa aberração.
É óbvio que os governantes querem manter esse descalabro apenas com a intenção de superfaturar tudo o que puderem. Querem apenas roubar e contam com o comodismo e "esperteza" de parte da população que aceita o roubo pensando ser um benefício. E la nave va.
Vejo aqui nos "Emirados do Préssau", que a prefeitura dá uniforme, merenda e material para a molecadinha, e SE a prefeitura por qualquer motivo atrasar a entrega de algum desses itens começa a choradeira das Merdileynes protestando pela demora. 
Ninguém compra uma porra de um caderno ou uma caneta para que o filho tenha condições de estudar. Todos de bico aberto, pedintes do caraleo!!!
Gostaria que esses pais de boca mole cuidassem do aproveitamento escolar dos filhos como cuidam de controlar a entrega de materiais e uniformes da molecada.
Um povo de merda que só conhece seus direitos e jamais seus deveres. 
O estado não tem que prover, e se os pais não tem condições de manter os filhos mesmo que em escola pública do próprio bolso que não tenham filhos!!! Essa irresponsabilidade é a culpada pelas mazelas do país, pois os pais cobram uniforme e material e se o filho não for mais para a escola phoda-se e  nada é devolvido, e no próximo ano, tome matricular novamente e reclamar da demora até o filho desistir de ir outra vez e assim o circulo nunca fecha,
É só ir para bairros mais periféricos para comprovar a quantidade de molecada e adolescentes nas ruas o dia inteiro sem ocupação alguma.
Desde o ano passado quando o governo estava fazendo um gerenciamento das escolas e iria movimentar alunos por faixa etária e série, começou o berreiro dos ignorantes de plantão, afinal pobre metido a besta é o que não falta no Brasil, e filho de gente tão importante não pode andar de õnibus ou alguns quarteirões a mais para estudar, ou o estado pega na porta ou constrói escola na esquina para não fazer o "reizinho" ter que caminhar. E assim vão criando uma legião de papais acomodados irresponsáveis e pidões, e gerações de moleques que pensam ser os donos do mundo.
Partiram a ocupar escolas, com a ajuda da imprensa amestrada e do PT deixaram alguns milhares de alunos sem aula atrapalhando ainda mais o péssimo ano escolar da molecada que QUER estudar.
Resultado das ocupações, vandalismo, drogas, e roubo nas escolas ocupadas. O governador covarde como é recuou e mostrou a bunda, e agora qualquer motivo é justificativa para invadir escolas novamente. E assim vai até quando a APEOESP volta novamente com seus pedidos absurdos e tranca o ensino com mais greves e a coisa segue morro abaixo tornando parcela da juventude em Jumentos festeiros e torcedores. Cidadania ZERO!
Sem contar que fomentados pelos militontos vermelhos os "alunos" ficam provocando a reação da PM até a hora que alguém morrer, aí começa a velha manobra de acusar o estado de truculência e violência desnecessária.  mais do mesmo.
O que o estado deveria é pegar o histórico escolar dos invasores e colocar a público para mostrar que aluno bom de livro não fica fazendo presepada, quem faz esse tipo de protesto é aluno vagabundo ou sofrível que faz qualquer negócio para não ter aulas. Sem contar o que tem de alienígenas enfiados no meio da molecada apenas com o intuito de provocar ainda mais caos.
E essa situação vai saindo do controle, os que QUEREM estudar ficam no meio desse tiroteio POLITICO e nada é resolvido.
O que mais impressiona é que os "Zelozos" alunos e seus papais sem noção não estão nem aí que a prefeitura de SP está sem aulas por falta de merenda. O negócio é com o estado do PSDBosta. 
E os tontinhos alunos e seus orgulhosos papais nem percebem que estão servindo de massa de manobra para os Vermelhos bagunçarem o país.
E vamos nessa valsa por mais alguns anos onde as escolas formam Jumentos semianalfabetos que acreditam ter a solução para todos os problemas. E não entendem que cidadania é muito mais que invadir escola.
Enquanto isso, os filhos dos políticos de TODOS os partidos continuam estudando em caríssimas escolas particulares ou em alguns casos até fora da Pocilga se preparando para serem os novos donos dessa boiada burra e sem cidadania. E assim a perpetuação no poder vai passando de pai para filho para todo o sempre, amém!

E

PHOD@-SE

...............................

Share/Bookmark

7 comentários:

Anônimo disse...

Essa história de os Filhos do políticos estudarem nas melhores escolas e o resto que se mate nas públicas é bem a cara do comunismo mesmo. Mascate não tiro sua razão mas tem 3 coisas: primeiro inventaram o tal do estatuto da criança e do aborrecente tirando principalmente dos adolescentes a obrigação de crescer. Segundo as leis só favorecem o menores, como a PM vai pegar o arruaceiros de 1,80 m se são considerados "crianças"? E terceiro essa tática de usar os menores como escudo parece coisa dos terroristas do Hamas que provoca e provoca Israel e quando eles atacam correm para os abrigos deixando crianças e mulheres a mercê. Reparem bem, é a mesma tática seguida no "Manual do Guerrilheiro Urbano".

AlaricoTrombeta disse...

os comunistas estão usando esses moleques vagabundos costumazes, de menor, para fazer guerrilha urbana pois estão protegidos pelo famigerado E.C.A
Paralizar e invadir escolas estimulados por professores comunistas é uma forma de confrontar o Estado.
O bundão do Alckmin deve abrir os olhos, pois hoje os estudantes de menor invadem
somente escolas.. amanha vão invadir o Palácio do Morumbi!!!
Borracha nelles sem dó nem piedade!

Anônimo disse...

Concordo com você. Estudei em escolas públicas e nunca recebi material ou merenda. Só os extremamente pobres é que recebiam uma sopa e material escolar com verba da Associação de Pais. Se algum aluno quisesse tomar sopa tinha que pagar para consumir. Nunca vi ninguém reclamar deste arranjo. Parece que as pessoas tinham vergonha na cara. Já pensou se fosse nos dias de hoje? Adorei seu texto. Você tirou as palavras da minha boca. Seu blog é viciante. Parabéns!

Anônimo disse...

Depois que aquela professora c@gou no chão o que devemos esperar dos alunos?

O MESMO de SEMPRE disse...

.
O PRSTÍBULO do PT (le3ia-se stf) agora se faz de DITADURA e CASSA mandatos de deputados que se opõem ao PT.

Eis o FEUDO BANANÉIO em SUA PLENITUDE!!!!!

O BORDEL conhecido por STF transforma-se num TRIBUNAL POLÍTICO de EXCEÇÂO para perseguir adversários do PT. ...Eis o que é o FEUDO BANANÉIO!!!!

O stf ARVORA-SE o DITADOR que em tudo se IMISCUI para ARBITRAR SEGUNDO INTERESSES da ESQUERDA!!!!

PALADINO disse...

Olá Mascate, concordo com texto, mas faltou citar um fator importante:
Qual seria o maior incentivo para manter um bando de adolescentes, longe do "controle" da família)? Resp. DROGA e SEXO.
Ali deve rolar de tudo e os resultados aparecerão daqui a 9 meses, várias crianças sem estrutura familiar, lançada na sociedade, assim como faz o FUNK.

O MESMO de SEMPRE disse...



.
Não ha coisa mais estúpida do que esta maluquice de que Teori "desarmou uma bomba".

Não desarmou nada e ao contrário armou uma bomba.
Se Cunha permanecesse nenhum juizeco NOMEADO pelo PT ou PRIMO de Collor e pai de desembargadora de baixa qualificação, poderia sozinho anular o impeachment e tão pouco poderá o STF impedir, dentro da lei e da constituição, o impeachment.

ESSE BARULHO TODO sobre um RIDÍCULAMENTE INVEROSSIMIL e ABSURDO "desarmamento da bomba" É APENAS UMA ANESTESIA para a POPULAÇÃO que se poderia INDIGNAR com tal ARBITRARIEDADE DITATORIAL de um ESBIRRO do PT no STF.

A estupidez é tão imensa (crer em tal patacoada é coisa de dementes) que DILMA APROVOU a arbitrariedade do putrefato STF. Os petistas comemoraram a VINGANÇA contra Cunha. E não há qualquer Lógica que explique tal "desarmamento". ISSO É PURO BARULHO PARA ACALMAR REVOLTA POPULAR com a ridícula idiotice de "desarmar golpe contra o impeachment".

COM ou SEM CUNHA na casa nenhuma decisão sobre impeachment se altera no STF. AO CONTRÁRIO, após tal CANALHA DECISÃO, que VIOLA A CONSTITUIÇÃO, SURGE UM ARGUMENTO para tentar MELAR o impeachmet. Afinal, caso a FANTASIOSA IDIOTICE PLANTADA e REPLICADA pela MIDIA ESQUERDISTA, com base em ALEGADA SUSPEITA ABSURDA, fosse levada a caso, tal "complô" de M. Mello e Lewandowisk seria muitíssimo mais difícil de ser aceito NUM SÓ GOLPE. Com a canalhice de Teori, agora a opinião pública esta mais AMACIADA para aceitar MAIS UMA ARBITRARIEDADE do visivelmente CORRUPTO STF.

Mas a questão não é essa, pois que o STF não esta ali para atender somente a DILMA, MAS SIM Á IDEOLOGIA, à esquerda em geral ao SALVAR vários corruptos desta ainda posando de isento ao aceitar cassação de Dilma.

"A organização vale mais que o indivíduo" e o STF quer salvar o BANDITISMO da ESQUERDA muito mais que o banditismo de Dilma.