* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *

* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *
"PIMENTORIUM IN ANUS OUTREM REFRESCUS EST"

domingo, junho 17, 2012

Haddad & Erundina...Ahhhh!!! Vão pra potaquepareu!!!

No vale tudo pelo pudê, vale até dizer que Luiza Erundina é renovação na política.
Acho que as Ratazanas Vermelhas, além do desespero em ver que a invenção do Sebento para a prefeitura de SP não decola, eles, acima de tudo, acreditam que TODO paulistano é burro.
O desespero do Sebento é tamanho, e a fome de poder da velha decadente política é tão grande, que ela descarada e hipócritamente aceitou se aliar com os que a expulsaram do partido. Quanta ética e quanto amor próprio essa senhora tem.
Definitivamente pragmatismo, programa e ideologia, palavras em desuso pela politicalha da pocilga. Principalmente pelas Ratazanas vermelhas que mostraram que fazem acordos até com o Cramulhão em troca de apoio.
O que importa é o voto e o poder pelo dinheiro.
Certamente que para o Paulistano que JAMAIS vota em um PTralha as alianças políticas imundas que estão sendo feitas pelo pleito paulista não fazem a mínima diferença. 
Mas para aquele otário militonto e burro que luta e acredita no PT, essa união não passa de um baita tapa na cara, mas quem disse que militonto PTralha pensa, não é? 
E as "zopozissão" tem material e motivos de sobra para bater até a exaustão nos ratos vermelhos nesta campanha. 
Mas conhecendo a covardia dos Tucanos...
Então...

PHODA-SE!!!!! 
...................................................................................................................................................................
Share/Bookmark

3 comentários:

O Libertário disse...

Os lulistas acreditam piamente que o profeta deles é capaz de transformar água em vinho.

Anônimo disse...

ver a petralhada se ajoelhando pelo apoio de maluf não tem preço!

Jurema Cappelletti disse...

ô foto esquisita! A Erundina parece 'ele' e Haddad parece 'ela'.

Qualquer hora eles vão aparecer numa dessas passeatas. Sei, não!