* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *

* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *
"PIMENTORIUM IN ANUS OUTREM REFRESCUS EST"

quinta-feira, maio 17, 2012

O Brasil é mesmo uma pocilga.

TAI A IMAGEM QUE NÃO ME DEIXA MENTIR.
Sinceramente.
Não tenho argumentos nem estômago para comentar esta imagem.
O Brasil virou de vez a maior zona de baixo meretrício da história da humanidade.
Conseguiram juntar em uma única fotografia, tudo o que há de pior em matéria de política.
.............................................
E PHODA-SE!!!! 
.............................................


Share/Bookmark

3 comentários:

Anônimo disse...

Artigo do jornalista Paulo Martins – edição de sábado – Jornal Manchete Popular Parana

JÁ PASSOU DOS LIMITES
A molecagem tanto do próprio governo como de figuras a ele ligadas, assim como de parte de radicais da imunda extrema esquerda, contra o Exercito Brasileiro, contra também suas patentes, já foi longe demais. Aliás, a própria inquilino da Presidência da República ultrapassou, no dorso da omissão, os limites tolerados no sentido de cumprir com sua obrigação constitucional de defender os valores patrióticos de nossa Nação. O Exercito é um desses valores e está sendo apedrejado de forma infame, repulsiva, insultante, sem que haja reação de parte de quem tem por obrigação tomar medidas rígidas e expressivas. Até quando um mambembe moral e deformado vai ser tolerado a bordo de ofensas, pelo simples fato de terem no ódio uma marca sentimental contra quem nunca lhe permitiu espaço para movimentações corrosivas e decompostas? A esquerda tem, sim, ódio do Exército, de oficiais do Exercito, da disciplina do Exercito e principalmente do respeito e dedicação disciplinar da Corporação para com o Brasil. Certamente esses sentimentos repulsivos dos radicais de esquerda são alimentados justamente pela falta desses valores patrióticos. No ultimo sábado general de Exército Rômulo Bini, decidiu dar um basta na “domesticação” e lançou nota de revolta, de repúdio às omissões dos demais oficiais. O comandante do Exército, general Enzo Peri, não gostou. Que lástima. Como Dilma, passa a também se omitir em relação à sua obrigação de honrar e defender a instituição. Já não é caso de disciplina ou indisciplina, é caso de omissão grave permitir que o Exercito e seus integrantes sejam enxovalhados por línguas sujas e almas decompostas. Essa gente, repito, já passou dos limites, o Exercito é nosso, do Brasil, dos brasileiros, é um valor incomensurável que está sendo desrespeitado e é preciso que os moleques responsáveis por esses atos sejam definitivamente chamados à ordem, afinal, se revelam atração por comportamentos compatíveis com lata de lixo, é preciso que se convençam que o Exercito brasileiro não é essa lata, a lata, quem sabe, seja quem lhes passou essa deplorável maneira de ser ao longo de suas “formações sociais e familiares”.

Anônimo disse...

MASCATE, acabei de comentar no Blog do Coturno Noturno, sobre as atitudes que o FHC tem protagonizado nestes últimos tempos ou anos mesmo.
Depois que deixou o governo ao qual votei nele nas duas vezes, e, que mudou os rumos do Brasil e da esculhambação que tinha sido deixado pelos desqualificados do Sarney e Fernando, está fazendo um papel no mínimo ridículo frente aos seus eleitores e o Povo informado e esclarecido, com suas aparições com as RATAZANAS VERMELHAS, falas e apoios aos maiores absurdos que estão sendo inventados pelos ESQUERDEOPATAS do PODRE PODER.
Gostaria, e poderia comentar aqui neste seu brilhante BLOG, tudo aquilo que penso e pudesse ajudar e contribuir pra que certo POVO acordasse para a REALIDADE, mas prefiro comentar menos e ser lido por quem realmente faz a diferença sobre tudo de uma forma geral.
E quanto essa imagem aí, como você mesmo diz, não tem argumentos, adjetivos e estômago suficiente que aguente uma aberração dessas, e o FHC que me desculpe, mas tenho que dizer, e com certeza é o consenso de muitos, e usando a frase, FHC já foi muito mais inteligente, ou menos medíocre mesmo.

Anônimo disse...

Que asco, PQP. Este nosso Brasil virou mesmo uma zona. No RS, travesti pode mudar o nome e tirar documento oficial. É ou não o fim dos tempos?