* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *

* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *
"PIMENTORIUM IN ANUS OUTREM REFRESCUS EST"

quinta-feira, setembro 04, 2014

Grêmio é excluído da Copa do Brasil.

O TJD resolveu atender ao clamor do momento politicamente correto e puniu o Grêmio com a exclusão da Copa do Brasil.
Aí entram duas versões para uma meia verdade, o Grêmio teria que vencer o Santos na Vila Belmiro em um próximo jogo para continuar disputando o torneio, portanto é dada como certa a desclassificação em campo e o tribunal resolve punir o time de uma forma "meia boca", pois duvido que se o Grêmio tivesse goleado o Santos e estivesse com enormes chances de classificação o tribunal decidiria da mesma maneira.
Outra coisa que incomoda é ver o berreiro feito nas redes sociais e na imprensa amestrada sobre o assunto.
Crucificaram e execraram a moça pivô desse circo sem a minima chance de defesa. No primeiro momento ela foi demitida do emprego, teve sua casa apedrejada e perdeu a liberdade individual por causa do patrulhamento das hienas do politicamente correto e dos bovinos ruminantes da opinião alheia.
Muito pouca gente está preocupada com os desdobramentos que essa punição ao clube poderão causar à moça, pois lendo nas redes sociais e em alguns fóruns de jornalismo esportivo as retaliações por parte dos idiotas fanáticos para cima da torcedora virão e de uma forma pesada.
Se algo acontecer com a integridade física dela o TJD e a imprensa são os culpados.
Se o TJD teve a intenção de dar uma lição nos torcedores, sejam de qual time forem, perderam tempo. O Tribunal não tem a mínima noção de porra nenhuma em comportamento de torcida, precisam estudar o fenômeno que torna uma parcela da população em verdadeiros cretinos que chegam ao ponto de matar ou morrer em nome do amor ao clube do coração, para depois entender a dinâmica da coisa para só aí poderem pensar em punir.
Pois, cá entre nós, se o TJD começar a punir "exemplarmente" clube por causa do comportamento da torcida, o futebol no Brasil acaba.
A moça virou bode expiatório para acalmar o políticamente correto, simples assim!
As punições pelo crime de racismo tem que vir da justiça, não pode a imprensa nem a opinião pública condenar uma pessoa por um erro tão bobinho cometido num momento de calor alieno-esportivo, afinal, eu duvido que ela tenha puxado o coro de "macaco" contra o atleta do Santos, ela muito certamente embarcou numa roubada e teve o azar de ser filmada em close e em rede nacional. 
Patrícia acabou virando a inimiga pública número um do Brasil.
Quem leu fóruns e comentários no dia seguinte ao jogo sabe que o racismo praticado pela moça é uma gota no oceano quando medimos o preconceito e a truculência dos ditos "indignados" revoltados e assemelhados que destilaram as maiores bizarrices contra a torcedora.
Essa punição ao clube vai dar merda. Escrevam aí.

E volto a insistir no ponto em que Joaquim Barbosa foi chamado de macaco por um jumento vermelho e ninguém, NINGUÉM, da imprensa ou do patrulhamento racial teve a mesma reação de consciente social da igualdade de araque bacaninha descolada dos inseridos nas lutas contra o racismo.
São apenas um bando de hipócritas que comem o vômito dos formadores de opinião do jornalismo mundo cão.
Se compararmos as opiniões abalizadas de cretinos que mugem o mantra do "ouvi dizer" no caso do Grêmio, é igualzinho aos patetas que são contra Israel só por que a maioria sub celebrizada do "andar de cima" também é. Pois, assim como os "livres" de preconceito, os pacifistas de botequim também não tem um culhonésimo de ideia do que acontece de verdade, mas tem a bovina opinião formada e defendida com uma veemência que chega ser quase uma tese de doutorado .

Então...

 PHOD@-SE!!!
.....................


Share/Bookmark

3 comentários:

Anônimo disse...

My friend, você está coberto de razão. Eu também não entendo o silêncio dos bovinamente corretos em relação às ofensas feitas ao Joaquim Barbosa. Será que vivemos uma situação bizarra de indignação seletiva?

Anônimo disse...

Ja ando evitando as redes sociais por causa diisso. O politicamente correto está alienando as pessoas. ..

PALADINO disse...

Comentário perfeito e cocordo em 100%.
O caso do Joaquim Barbosa foi muuuuuuuito mais grave.
Veio de uma pseudo-autoridade para uma autoridade ou
seja, eles é quem devem dar o bom exemplo. E mesmo assim, não deu em nada.
Se fosse num país sério, daria num minímo um impeachment à pseudo-autoridade.
Agora esses patrulheiros, estão cruficando essa garota, como sendo o maior exemplo de racismo.
Os hipócristas nem sabem se ela tem amigos negros.
Em estádio de futebol, no calor da emoção, as pessoas fazem todo o tipo de xingamento.
Daqui a pouco vão punir quem chamar a torcida do Flamengo de urubus ou a do Palmeira de porcos, etc...
Solução: Construir estádios dentro de conventos.

Haja hipocrisia...