* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *

* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *
"PIMENTORIUM IN ANUS OUTREM REFRESCUS EST"

terça-feira, junho 18, 2013

Protestos em SP. O movimento passe livre não me representa, ele é ideológico.

Foi lindo de ver. Me fez lembrar os movimentos pelas diretas já e até aquele arranjado pela Globo/PT dos Caras Pintadas.
Milhares de pessoas por todo o Brasil nas ruas protestando...Mas, protestando contra o que mesmo?
O movimento passe livre que foi o percussor dessa manifestação vai esvaziar.
É só os prefeitos/governadores baixarem os preços das passagens a níveis de antes dos aumentos que o movimento perde a força e a razão de existir.
No ABC em SP, e em Porto Alegre no RS, as passagens já sofreram reduções. Certo que é uma vitória, mas, sem brilho, sem maiores consequencias.
O povo foi às ruas para protestar contra o aumentos das passagens, ou foi mostrar indignação contra a bandalheira política que tomou o Brasil em um arrastão ideológico e vagabundo, onde ate a compra de uma caixa de Band Aids pelo poder público é super faturada de alguma maneira.
Durante as manifestações a TV Cultura deu cara ao movimento, colocou um casal de "líderes" do passe livre no Roda Viva, e o que vi foi uma dupla de jovens se achando, acreditando que são a última Coca Cola do deserto, prepotentes, e até arrogantes, metidos mesmo. 
E o mais preocupante, esquerdofras de carteirinha.  E olha que estavam em território amigo, uma vez que o Roda Viva é o programa mais à esquerda da TV Tupiniquim.
O Viés ideológico neste movimento é tamanho que todas as acusações feitas sempre caíram no colo do governador Picolé de Chuchu. 
Pena que a imensa maioria da população em vez de estar prestando atenção no que acontece, foi para a Globo levar sua dose diária de alienação através de novelas que nada agregam, na vida cotidiana do povo.
O Menino Malufunho Haddad, o verdadeiro responsável pelos aumentos, já era até visto com simpatia pelos tais "líderes". Tanto o movimento é político que parte dos manifestantes foram bagunçar na porta do palácio do governo e ninguém foi para a porta da prefeitura ou da casa do prefeito.
Assistindo a entrevista dessa parelha de esquerdiotas, relembrei passado recente dos caras pintadas onde um Líder estudantil puxava as manifestações contra Fernando Eunãosoumaluco Collor de Melo, e hoje, o mesmo cidadão é senador da república e aparece de mãos dadas com o defenestrado EX presidente. Lindenberg Farias é o nome do traste.
Esse pessoal do passe livre em breve estará candidato para cargos públicos, óbvio, que por algum partido de esquerda usando os dividendos recebidos por esse movimento contra o aumento nas tarifas do transporte público.
O movimento em SP foi lindo, milhares de pessoas nas ruas sem vandalismo ou brigas e a PM só acompanhando. Até o momento que alguns idiotas resolveram mostrar que são muares ensandecidos e resolveram ir fazer merda na porta do Palácio dos Bandeirantes, aí a tropa de choque teve que agir com rigor, mas, sem as balas de borracha, e os inúteis continuaram lá madrugada a dentro protestando contra o nada. Vazios de idéias e de ideais, o protesto pela bagunça, paus mandados de partidos políticos em busca das eleições para o governo de SP em 2014.
No Hell de Janeiro os protestos tiveram outra cara, partiram para a ALERJ e acabaram perdendo a mão quando tentaram incendiar as portas do Teatro Municipal.
O povo de SP tem que ficar atento para não servir de massa de manobra político ideológica para movimentos que se dizem sociais mas na verdade só querem impor sua forma de pensar e alavancar candidaturas no ninho dos ratos vermelhos.
Espero que o povo volte às ruas sem lideranças, sem representantes, apenas o povo extravasando sua indignação pelos rumos que os políticos sujos e vagabundos deram ao país.
Esse movimento passe livre não me representa. Eles representam o atraso ideológico e a truculência de um socialismo burro que sobrevive enquanto durar o dinheiro dos outros.
Agora veremos os desdobramentos de tudo isso.
Os movimentos todos sabemos como começam, mas, não sabemos como podem terminar.
O mundo está vendo que o "festejado" país da sétima economia do planeta não é bem o Oásis de tranquilidade e justiça social que pensam alguns governantes e parcela da população pelo mundo.

E após o que vimos ontem concluímos que os artistas que apóiam o governo, falando em justiça social, os políticos de todas as cores, e acima de tudo, a Dentuça presisdANTA SUMIRAM!!!!
Nem vou falar do ex presidente Defuntus da "Rosemeire", pq esse tá sumido desde que descobriram suas aventuras de alcova.

Agora esperemos para ver os desdobramentos, se os movimentos populares irão para as ruas em busca de um Brasil melhor. Pois, os protestos pelo preço das tarifas não transporte público já não colam mais.
O movimento passe livre não vai entrar na briga por um Brasil sem corrupção e sem o PT, ou políticos vagabundos que esfolam o povo. Eles não irão engrossar movimentos contra a classe política da esquerda vagabunda do Brasil.
Eles não podem ir contra o que acreditam, usam o socialismo travestido de justiça social, para chegarem ao comunismo, uma ditadura do proletariado. E o movimento passe livre é o filhote bastardo dessa forma de pensar.

OREMOS!!

E PHOD@-SE!!!
.....................


Share/Bookmark

16 comentários:

CHUPA MASCATE disse...

CHUPA ESSA MANGA,MASCATE..

Anônimo disse...

Começou com um protesto político em SP e RJ organizado pela ala radical do PSTU, PCdoB etc (daí a violência inicial), depois outros grupos se juntaram e se espalhou pelo Brasil, tanto que, em SP e RJ houve dois grupos distintos, um minoritário e claramente político foi fazer baderna, outros (a grande maioria) foi pra outro canto fazer um protesto pacífico.
O que dá pra concluir o seguinte:
1.O protesto inicialmente era político e era sobre os 20 centavos de aumento, mas virou um movimento mais amplo da sociedade, que não tem nada haver com o PSTU, PT e outros partidos;
2.Como o movimento ficou mais amplo, respingou também no governo federal, daí a manifestação em Brasília;
3.Claramente se viu que não há partido de oposição, não existe liderança política no Brasil capaz de canalizar a frustração da população;
4.O PT desesperadamente tenta se aproveitar do movimento tentando jogar a conta no governador Geraldo Alckmim, mas claramente eles estão nervosos com a situação, pois sabem que o povo pode se voltar contra o governo Dilma;
5.Acabou o Brasil Maravilha de Dilma, a farsa está sendo revelado.
6.A mídia governista (Folha de SP, Record, SBT etc) tentou focar SP e culpar os tucanos pela truculência policial. Mas a Globo e até a Record já começaram a mudar o seu discurso, pois foram vencido pelos novos fatos de ontem.



Anônimo disse...

"Gasto público é o tema em comum entre os protestos em todo o país.
Na origem da democracia, o orçamento foi entendido como a peça mais importante do governo. Porém, a situação no país é a do pagamento de muitos impostos para serviços ruins."
Fala do jornalista Alberto Sardenberg, hoje na CBN.

Anônimo disse...

Maravilha!!! O país do protesto gay, protesto pela maconha, das vadias, dos baderneiros, arruaceiros... Ha, ha... esse é o país das maravilhas...!!! Ê povo que luta por direitos estúpidos, mas que não luta pelo básico: direito a saúde, qualidade de vida, condição de ter o que quiser, adquirir o que quiser...um país que adota medidas protecionistas para "proteger" o nosso mercado e que no final quem é surrupiado é o próprio povo. Povinho que adora assistir um Neymar com toda sua "glóriazinha" e dá pulos de alegria quando seu time de futebol ganha, verdadeiros babacas que pagam R$800,00 à cambistas para ver um jogo da seleção. Viva esse povinho ignorante e sem educação. São os defensores do tal socialismo, mas atrás de um PC com internet, um Wi fi com senha, quantos desses baderneiros levam no bolso um i fone e na capinha o retrato do "Che"? Povo hipócrita, defendendo socialismo, mas é o capitalismo que gera crescimento para toda a nação. Essa enxurrada de impostos que temos nesse lixo de país sem assistência médica correta, pessoas morrendo por negligência médica nos HPS, medicamentos com preços altíssimos, infra estrutura nojenta. País onde policiais são impedidos de matar bandidos e coibir a violência como a desses idiotas, para depois sofrerem humilhação e violência desses e outros bandidos, sendo o maior deles o próprio governo federal representados por um bando de canalhas PTralhas. Enquanto nos EUA policiais que matam bandidos são condecorados por bravura, nesta pocilga os policiais respondem processos e ainda tomam-lhe a arma.
Protestos dos maconheiros, das vadias, dos gays...
Protestos em favor daquilo que deveríamos ter, ao conforto, ao laser, à vida...
Nada!
País do "pane et circenses"

Anônimo disse...

Imagina quando Geraldo Ackmim for conversar com os manifestantes quanto a questão dos aumentos nos transportes públicos e disser:
"Concordo com as reivindicações, mas o problema é a inflação que está alta e o controle está lá em Brasília..."
Ou disser que:
"Gostaria de fazer muito mais por vocês, mas o dinheiro que deveria ir pra melhoria dos serviços públicos foi usado pra construir estádios..."
Conclusão, quem deve estar mais apavorado com essas manifestações, Alckmim ou Dilma ?
Não é à toa que ela foi correndo pra SP conversar com o seu mentor e criador...
Afinal, agora que o povo acordou e como os deputados e senadores não são burros, pois o instinto de sobrevivência fala mais alto, adivinha pra que lado eles vão ficar daqui pra frente, sem falar nas possíveis manifestação que virão contra o palácio do Planalto.
A CASA CAIU DILMA !

Anônimo disse...

Poxa, eu vi uma trinca do diabo do tal muvimentu soçiau dando entrevista e me assustei com a feiúra das criaturas! Eles tem razão de serem revoltados, cada vez que se olham no espelho devem ter vontade de esmurrar as paredes!

Anônimo disse...

Caro Mascate.Tenho certeza que mesmo baixando os preços das passagens, o movimento deve continuar, só que contra os mensaleiros, falta de estradas, hospitais, escolas precárias, ferrovias abandonadas, gastos com as Copas, maioridade penal aos 16 anos, perdão da dívidas com outros países, falência da Petrobrás etc. Caso isso não ocorra, sou obrigado a acreditar que o povo foi usado como massa de manobra por partidos de esquerda e radicais.Abs.

Willer Vieira disse...

A unica coisa q vc viu no Rio foi isso?

"O Mascate" disse...

Willer, eu vi apenas o que a TV passou.
Pois as emissoras daqui, estavam, preocupadas com o movimento na cidade de SP.
O pouco que vi sobre o Rio foi o quebra quebra.
Como não assisto a Globo, não sei direito o que pegou no Rio.
E as noticias ainda são apenas sobre a baderna e a quebradeira.
A não ser pelos possíveis 100 mil nas ruas.


Willer Vieira disse...

O Lugar que foi a bagunça figa bem longe de onde teve a verdadeira manifestação. E sobre os possíveis 100mil é pouco. olhe esta comparação: https://skynerd.com.br/perfil/djwiller/post/738979-100-mil-
e esta foto não foi no horário mais cheio.

Anônimo disse...

Afinal, cadê o LULA ?
O Campeão em negociações, candidato eterno ao Nobel da Paz e que se fantasiou de pacificador do Oriente Médio parece que não tem coragem para mediar conflitos no Brasil.

Anônimo disse...

Na sexta-feira, dia 14, véspera da abertura da Copa das Confederações em Brasília, o governo publicou em edição extra no Diário Oficial da União o Decreto 8.028/13 , autorizando pagamento de diárias para quem quiser assistir aos jogos das Confederações nas seis capitais-sedes.
Cadê os manifestantes ?

Anônimo disse...

Os estádios para a Copa do Mundo já estão prontos, agora só falta construir um país em volta...

CHUPA MASCATE! disse...

Mascate,continua chupando essa manga,que e' a única coisa que sabe fazer..

"O Mascate" disse...

Bobalhão anonimo que me mandou chupar manga.
Você no mínimo é o filho da Dª Manga.
Esqueça, a velha ta derrubada e não é mais chupavel.
Já chupei muito a SRª sua mãe, mas acabou.
E se voce me chamar de pai eu nego!!!

Anônimo disse...

Em sua página no Facebook, o jornalista e escritor Olavo de Carvalho em poucas palavras foi diretamente ao ponto no que diz respeito às origens e os objetivos da baderna que se instalou no Brasil:

“Do ponto de vista dos organizadores e líderes, o sentido do movimento é claro: acabou a fase de transição, de conchavos e acomodações; agora é o socialismo para valer e foda-se a primeira leva de revolucionários que nos conduziu até aqui. Para os participantes, exceto os bem treinados, que sabem a quem obedecem, o negócio pode significar o que bem desejem.

Nunca imaginei que a inteligência da massa universitária pudesse descer tão baixo. No Occupy Wall Street você não encontrará um único baderneiro que imagine estar participando de um movimento “apolítico”, que ignore tratar-se de iniciativa da esquerda radical. No Brasil, cada um atribui ao movimento como um todo a vontade pessoal que o anima por dentro. Porque o sujeito não se sente comunista, e participa do movimento, ele conclui que o movimento não é comunista. Parece impossível explicar a essas criaturas que um movimento político não é a confluência fortuita de emoções íntimas que, por casualidade, estavam na mesma praça na mesma hora. Nunca a expressão “massa de manobra” foi mais oportuna e exata”.