* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *

* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *
"PIMENTORIUM IN ANUS OUTREM REFRESCUS EST"

domingo, junho 02, 2013

Bolsa família. E 15 dias depois ninguém foi responsablizado sobre o "boato".

E já vão quinze dias e todos os "esforços" do DESgoverno trapalhão dos ratos vermelhos não colocou um só nome ao boi desumano e irresponsável, segundo a presidANTA, que lançou o boato sobre o fim do programa causando pânico na vagabundalha encostada no estado paquidérmico e ineficiente da pocilga.
A sinistra dos direitus dus manus veio à público e acusou sem provas a oposição. Depois percebeu que se continuasse nessa toada iria se phoder, resolveu recuar e calar a boca de vala que possui.
Depois veio a PresidANTA à TV e fez seu discursinho barato e safado eleitoreiro, acusando o imaginário, mas, aproveitando para mandar seu recado que as bolsas não irão acabar e que o povão nada chegado ao trabalho ainda terá mais alguns anos de vida boa sem suar a camisa. Apenas votando para manter o privilégio.
Depois veio o sinistro da justiça dizendo que a PF iria investigar "incansavelmente" até chegar aos culpado e puni-lo exemplarmente.
Dias depois o mesmo sinistro disse que havia partido de uma empresa de telemarqueting sediada no Hell de Janeiro. Não deu o nome da empresa, não deu o resultado da investigação e deixou para lá.
E por último, as investigações da "eficiente" PF deram que os boatos partiram das ruas e ponto final. Simples e muito oportuno.
A caixa economica, aquela que comprou o falido Panamericano por 5 bilhetas, inexplicavelmente estava preparada para a demanda boateira que abalaria as estruturas de qualquer empresa financeira, mas não. A caixa estava pronta para abastecer os caixas eletrônicos e TODOS sacaram seu dinheiro. 
A direção do banco não deu explicações convincentes de como o banco estaria pronto para uma ocorrência de tamanho impacto, justamente em um final de semana. Eu nem sabia que a caixa trabalhava aos domingos...mas, enfim...
Ninguém foi punido, ninguém foi responsabilizado, e nada mudou., o povão colocou as mãos em dois benefícios, o governo ganhou alguns dias preciosos na mídia amestrada e tudo acabou em águas de batatas.
E mais uma vez a má fé e o oportunismo fizeram vítimas entre o povão massa de manobra e alienado da pocilga.
A imprensa não fala mais nada sobre o assunto, a conversa mudou para a venda do Neymulambo para a Espanha, o Maracanã que foi interditado, e desenterditado,  a parada gay, e agora o jogo de inauguração do estádio.
Tudo fica como dantes no quartel da pocilga...

E PHOD@-SE!!!
.............................

Share/Bookmark

3 comentários:

Anônimo disse...

No tumulto do Bolsa-Esmola, a Caixa descobriu que 692 mil famílias têm dois cadastros e recebem dois auxílios. Custo do pagamento ilegal? R$ 100 milhões por mês.
A ministra do Desenvolvimento Social, Tereza Campello, responsável pela Bolsa, preferiu fugir do rolo e foi passear na Disney....pra ela, o povo que se phoda com a confusão!

by Jefferson.

Anônimo disse...

O boato da bolsa família foi armado por Lula pra afetar a popularidade de a Dilma.
Afinal, se fosse pra armar contra os tucanos, o boato deveria ter começado em SP, o que não aconteceu....
Se fosse uma iniciativa que partiu do próprio presidente da caixa, o sujeito teria sido demitido, o que também não aconteceu.
Existe a hipótese de Dilma ter ordenado os depósitos, o que seria pouco provável, pois seria um tiro no próprio pé. Logo, a ideia de um golpe interno pra ferrar a ANTA GORDA torna-se plausível.
Afinal, se a popularidade da ANTA GORDA cair, Lula poderá dizer que ela não serve como candidata, eis a verdade.

Anônimo disse...

Barão Von Sefúder

Nas eleições presidenciais de 2010 a Caixa cometeu um ¨pequeno engano¨e pagou 2 vezes a bolsa família, nos meses de setembro e outubro. Ninguém achou estranho, desde a Oposição (risos!) ao TRE.Os beneficiários meteram a mão na grana e ficaram caladinhos E a Dilma foi eleita. Agora, suspeitando que a popularidade da grande estadista não está tão grande, a tropa de choque pensou em aplicar o truque de novo. Pagariam o bolsa família fora da data e com certeza depositariam o mesmo valor nas datas certas. Depois fariam outra pesquisa e os bolsistas felizes, que seriam os pesquisados, dariam 95% de aprovação à presidanta. E a Oposição (risos) apavorada ante tamanho poder se recolheria à sua insignificância. Mas o plano deu errado, porque quando há ameaça ao seu bolso, o povo é um pouco mais esperto e os bolsistas, pressentindo que o país está à beira do abismo tratou de correr para recolher seus caraminguás. Não ficaram na moita, como em 2010, deixando o governo com as calças na mão.Daí todas as desculpas para lá de esfarrapadas do presidente da Caixa. Mas não tem problema, O cofre continua no poder dos petralhas e novas oportunidades surgirão de fazer novas compras, seja de votos, congressistas, países africanos e consciências.