* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *

* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *
"PIMENTORIUM IN ANUS OUTREM REFRESCUS EST"

sexta-feira, maio 11, 2012

Cansei de ser brasileiro.

Gente, não da, não quero mais brincar de ser brasileiro. Estou cansado da pátria de chuteiras.
Cansei do ufano patriotismo safado de dizer que o Brasil é o país do futuro. Que porra de futuro é esse onde uma geração de jovens está sendo tratada como números, onde se passa de ano na escola por atacado, sem merecimento algum, apenas para fazer a contabilidade política na tentativa de alavancar o país no ranking da UNESCO?
Onde jovens são beneficiados em universidades apenas pela cor da pele e não pelo esforço em estudar, mesmo que em condições precárias nas sucateadas escolas públicas da pocilga. Tem muita gente boa chegando a universidade por merecimento e por esforço, gente que acaba caindo por conta de paternalismo de governos populistas que acreditam que dar vaga em cotas é se redmir de quinhentos anos de opressão e descaso com populações inteiras, onde o pobre continua pobre e oprimido. Nunca fizeram nada por esse grupo social, e inventaram de transformar uma legião de semi alfabetizados em doutores. 
E para um povo que nunca teve oportunidade de estudar, o que vale é ter um filho dotô, mesmo que ele não consiga emprego em sua área de formação por conta de suas deficiências no ensino básico.
Se começarmos hoje a pensar em educação com seriedade, levaremos uns quarenta anos para atingir níveis satisfatórios de educação e cidadania. País do futuro...sei.
Não vejo futuro para um país onde se premia a vagabundagem em troca de votos para a perpetuação no poder de gente que visivelmente odeia o Brasil. Pois se amassem certamente não permitiriam que se chegasse a tanto em matéria de corrupção e bandalheira.
Somos um povo do salve-se quem puder. 
Se o meu problema estiver resolvido, phoda-se o problema do meu vizinho.  Solidariedade no Brasil, só quando acontecem tragédias onde morram centenas de pessoas, aí o sentimento de brasilidade solidário vem à tona e por algumas semanas o povo se propõe a ajudar o próprio povo. Mas é só. Nada de solidariedade em busca de responsabilizar os políticos que deixaram com que as tragédias acontecessem, afinal isso é posicionamento político, e o brasileiro médio seja ele analfabeto ou doutor em alguma coisa, sempre pensa em acender uma vela para Deus e outra para o Diabo, pois ele nunca sabe quem vai estar no poder no dia em que precisar de um favorzinho do estado ou do tão sonhado emprego público, seja concursado ou pelo famigerado "QI".
E em vez da população sair em busca de um país melhor, se cala, e na época de eleição se propõe a fazer trabalho eleitoral para aquele vereador safado que deveria estar na cadeia por maracutaias fraudes ou superfaturamentos, mas na verdade consegue os votos dos iludidos de sempre à espera de um carguinho na prefeitura. O eleitor não se posiciona sempre esperando o momento de conseguir alguma regalia ou colocação.

O Brasil é o país do futuro? Pode ser, nosso território é do futuro, temos água em abundância, temos extensão territorial para plantar alimentos para o mundo, temos riquezas, temos petróleo, mas não temos um povo educado e cidadão. 
No futuro e na globalização, os educados e cidadãos irão dominar os burros e ufano patriotas. Não existirá direita e esquerda, mas sim os dominadores e os oprimidos.
Ou alguém ainda acha que o Brasil é festejado pelo mundo porque? O planeta sabe da malemolência, da indigência e da indolência de um povo rico naturalmente, mas pobre sócio-espirito-cultural.
Temos que cuidar melhor de nossos jovens para que no futuro eles não sejam subjugados pelas nações mais avançadas que virão em busca de nossa água e alimentos. 
E o país que quer uma comissão da verdade para resgatar a revanche dos que perderam a revolução de um grupo que usavam as palavras burguesia e imperialismo para doutrinar os mais abestados, vai continuar ajoelhado diante dos poderosos como colonizados e escravizados.
Cansei de ver uma classe política que deveria preservar os interesses do país, lutando feito lobos famintos por uma carcaça podre.
Roubam, enganam, desviam, assaltam, superfaturam, fazem o máximo que podem para enriquecer, não existe ideologia séria, existe o tudo pelo poder com fins de enriquecerem, Lenin, Marx, Gramsci, Fidel, capitalismo, direita, esquerda são apenas  fumaça para desviar a atenção para a bandalheira e meios de justificar a safadeza em nome de ideologias. Que na verdade a única que é válida é o dinheiro pelo dinheiro e o poder pelo dinheiro.
Estou cansado de olhar a televisão e ver um bando de engravatados no congresso apontando os sujos dedos para um companheiro caído, pego com a boca na botija, como se os que o acusam fossem os arautos da ética e da moralidade. Hipocritas!!!
São tão bandidos quanto aquele que acusam, mas aproveitam o momento para passar o atestado de idoniedade para eleitor otário que acredita em Papai Noel.
Estou cansado de ouvir que somos a sexta economia do mundo, e quando olho para o povo mais humilde vejo a falta de perpectiva em dias melhores, um futuro incerto sem educação e sem saúde. Mas todos com celular na mão e TV de "prasma" no barraco.
Estou cansado de ouvir dizer que a seca no Nordeste é a maior dos últimos quarenta anos, e os governos despejando bilhões de reais há décadas para não resolver porra nenhuma. O povo continua oprimido e com sede e fome, mas com o título de eleitor em dia.
Estou cansado de ver um povo que só sabe falar em futebol. que enche estádios a cada jogo que vibra com amor ao time de fazer inveja aos patriotas que amam o Brasil mas, infelizmente são tão poucos que não conseguem mudar nada, nem pelo voto e muito menos pelo posicionamento político.

Vamos cair na real? 
Se começarmos a mexer a bunda ainda que hoje, não existe uma mínima chance de vermos nossos tataranetos vivendo em um país digno com educação e qualidade de vida compatíveis com a sexta economia do mundo.
Toda essa conversa de ranking econômico, de ultrapassarmos a Inglaterra e estarmos nos aproximando do Japão, não resultam em porra nenhuma para a população. Essas colocações são apenas usadas para fazer política vagabunda onde se prega um avanço economico em um país de TERCEIRO MUNDO, apesar desse termo ter deixado de existir, ao menos para classificação mundial das nações. 
Estou cansado de ver os superiores tribunais do país fazendo julgamentos de bandoleiros aliados ao que há de pior na política Tuipiniquim e invariavelmente os mesmos sempre se livram das garras da justiça por apadrinhamento, por incompetência, ou mesmo por má fé de juízes que julgam apenas o legal, mas jamais o moral. E nossas leis são imorais demais para serem minimamente legais. 
Estou cansado de ver a nulidade e o vazio darem o tom para uma sociedade que é medida pelo carro que possui, pelo celular que carrega, ou mesmo pelas marcas em suas vestes. 
O Brasil do TER enterrou o Brasil do SER.
E a cada jornal que leio, a cada noticiário que assisto, a cada blog que acompanho, percebo ainda mais que os que lutam por um Brasil melhor estão perdendo um tempo incrível, onde deveriam tocar o PHODA-SE e se alienar para ser feliz. 
Cansei de tentar passar aos meus filhos educação e diretrizes de vida digna, onde a honestidade e a educação, o trabalho, respeito as leis e ao próximo são as molas propulsoras para uma vida melhor.
E quando eles olham para a TV e vêem o que está acontecendo nos corredores e bastidores da política, onde a malandragem a roubalheira e a vagabundagem são o caminho para o sucesso.
Onde estudar não está com nada desde que você seja cotista.
Onde estar em uma universidade pública não é sinônimo de estudar com seriedade, afinal fumar maconha é muito mais legal do que aprender.
Quando eles olham para o frente e tudo aquilo que eu cansei de ensinar é justamente o oposto que se prega na sociedade para "ser feliz", eles na imaturidade da juventude e na falta de experiência de vida ficam confusos e desanimados. 
E eu percebo que eles não estão nem aí para o Brasil, quando os três chegam para mim e dizem: "Pai, em quem você vai votar?"
E quando respondo em ninguém, eles dizem, então vamos votar em ninguém também.
Eu, na idade deles, tinha meus ideais políticos e planos para o futuro, eles estão alienados por uma sociedade de consumo, onde o jovem é proíbido de pensar em política. O jovem tem a obrigação de ser feliz. 
E percebo que isso é o resultado da minha geração que estragou a geração deles, onde nos desdobramos em dar o máximo possível para que eles garantissem o futuro, e deixamos de tomar conta de nosso próprio futuro. E sem o nosso futuro definido, o deles é ainda mais incerto.
E no país em que celebridade é um mediocrezinho jogador de bola que mal sabe escrever o próprio nome, onde um ex presidente se ufanava em ser semi analfabeto, onde a ética e a honestidade, o merecimento e o esforço perdem a vez para a burra brasilidade da lei de Gerson. Eu cansei de ser brasileiro.



E PHODA-SE!!!

..................................................................





Share/Bookmark

23 comentários:

Blog do Beto disse...

OLÁ MASCATE.

CANSAMOS. SINÔNIMO DE PATRIOTISMO É PODER, GRANA, CORRUPÇÃO E AFINS.

LINDA MATÉRIA.
ABS DO BETO.

Anônimo disse...

Caro Mascate
Excelente texto. Muito bom mesmo. Exprime com maestria o que sentimos todos os que gostariam de ver um Brasil melhor.
Nada nos falta em matéria de recursos naturais, mas falta cultura, vergonha na cara e ética.
Assim como você eu cansei.
Agora os ecoterroristas fazem festa com o Rio+20 sem se dar conta que estão sendo apenas instrumentos das oligarquias transnacionais que querem apenas garantir o futuro deles e manter as antigas colônias na coleira com suas falácias sobre efeito estufa, aquecimento global e outras mentiras comprovadas espalhadas pelo IPCC, ONU, ONGS estrangeiras, WWW Greenpeace e outras financiadas pelos governos que querem garantir nossos recursos para as futuras gerações deles. E os brasileiro desdentado, futebostista, festeiros e ignorantes fazem mais uma festa.
Então Phoda-se né?

Ajuricaba disse...

Tá assinado em baixo. Pode contar com isso.

Anônimo disse...

MASCATE, sempre falo e indico o seu Blog, do Reinaldo Azevedo, Augusto Nunes, Coturno Noturno, Lilicarabina entre outros, para todas as pessoas inteligentes, esclarecidas e informadas, que tem no mínimo a noção de cidadania e crença nos valores éticos e morais.
Pelo que sei você também faz parte daquela época de brasileiros que nasceram nos anos 50, que acompanharam e viveram os melhores anos da História deste País, quer queiram ou não os inconformados e recalcados de forma geral, entre eles estão toda essa corja que faz parte das RATAZANAS VERMELHAS, que estão voltando pra tentar avacalhar pela segunda vez a História do Brasil, se fazendo de guardiães dos bons princípios, formação do cidadão e da sociedade como um todo, verdadeiros HIPÓCRITAS e CÍNICOS.
Leio o seu Blog todos os dias, e quando me deparo com postagens como esta, sinto que temos um pensamento e visão de Mundo quase que igual em sua totalidade, tanto é que somos da mesma geração, e com certeza nossos Pais a exemplo de outros, nos honram e nos fizeram honrar a nossa existência como seres humanos e o privilégio que DEUS nos deu de estarmos aqui na Terra, cumprindo, ou ao menos tentando cumprir da melhor maneira possível, a nossa passagem pela mesma, com dignidade e exemplos de valores éticos, morais e cristãos, que são a alicerce para qualquer pessoa que quer viver uma vida de exemplos e ser lembrada por todos, o que se tornou uma raridade neste País, principalmente depois de 2003, onde não é preciso dar exemplos pra ninguém sobre o mesmo, e neste Post aqui você já mostra um resumo de tudo, e fácil pra qualquer um entender e acordar para a Realidade.

MASCATE, só para encerrar, salvo estou enganado na minha interpretação, lá onde você escreveu, O LEITOR NÃO SE POSICIONA SEMPRE ESPERANDO UMA REGALIA OU COLOCAÇÃO, ao meu ver deveria ser suprido a palavra NÃO, para realmente fazer jus ao contexto do seu brilhante post.

"O Mascate" disse...

Meu caroi anonimo.
Quando digo em não posicionamento do eleitor, é que ele está sempre do lado em que der algum benefício pessoal e vota apenas pansando nisso. Não existe posicionamento político, ideológico ou partidário. Nada. Apenas a crença de que aquele amigo que vai sair candidato, mesmo que seja por um partido de vagabundos é uma possibilidade de "melhorar de vida" caso o amigo eleito se lembre da ajuda que o eleitor deu durante a campanha.
O não se posicionar é apenas viver vagando de um lado para o outro em busca de algum benefício.
E é assim que se vota no Brasil.
Talvez no texto eu não tenha me feito entender de maneira mais clara, pois tenho um enorme defeito, quando escrevo fico "aziado" e deixo de me fazer entender em alguns momentos por conta da indignação e da avalanche de idéias que vem à cabeça.

Mesmo assim, obrigado.

Abraços

JR disse...

Mascate! Já ouviu falar do "Os Protocolos dos sábios de Sião¨? Se os nossos governantes estão seguindo este protocolo, então o nosso país como Nação está destruído.

PS: Espero que eu esteja errado, mas a realidade é MUITO DURA! LAMENTÀVEL! LAMENTÀVEL!

Gilrikardo-Blog disse...

-Caro Mascate,

hoje iniciei minha campanha a favor do eleitor, já que não estou sujeito, por enquanto, à lei eleitoral permito-me tal pretensão:

http://gilrikardo-blog.blogspot.com.br/2012/05/blog-post_11.html

abrçs

Gilrikardo

O Libertário disse...

É uma luta perdida. Alguém acha que um povo que diminui a marcha para um cachorro atravessar a rua e xinga e atropela uma pessoa na faixa, merece crença? Que come sorvete, yougurt, etc., bebe cerveja, refrigerante e coloca os vasilhames usados e sujos na soleira de portas e janelas dos outros, merece respeito? Um povo que é ligeiro e sarcástico para te corrigir um erro de português, num comentário na internet, e ao mesmo tempo elege e reelege um apedeuta alcoólatra e mitômano com verdadeira devoção e ainda, não satisfeito e obediente, elege a indicada, pessoa cujo discurso é uma “nuvem” de palavras soltas de qualquer jeito que se acotovelam no ar procurando um lugar na frase capenga que nem ela, que proferiu, sabe o que quer dizer? Alguém acha que tem futuro um povo que aplaude – ao invés de pedir aos berros a renúncia – o chefe da nação que diz, num organismo internacional, uma bobagem como que “pessoas loiras de olhos azuis pensavam que sabiam tudo, mas não sabem é nada” sugerindo que quem “sabe das coisas” são pessoas negras e indígenas, como se ele andasse seminu, se locomovesse a pé ou a cavalo e tratasse da própria saúde com pajelanças ou outros rituais primitivos ao invés de procurar os recursos modernos criados pela civilização que ele diz “não saber nada”? Alguém acha que um povo assim tem um bom futuro? Alguém acha que está em bom rumo um povo, cuja intelectualidade sabedora e estudiosa do assunto, que é, ignora que o comunismo sempre começa com forças de esquerda heterogêneas compactuando para tomar o poder e a seguir se canibalizando e resultando em que uma facção acaba destruindo as outras e concentrando o poder nas mãos de um “líder” absoluto que acaba tiranizando o povo e atrasando a nação por décadas como tem acontecido em todas as partes, para alegria do capitalismo concentrador internacional, que dita intelectualidade declama ser contra, e assim mesmo insiste nessa receita idiota? Alguém acha que um povo que raciocina, permite que a memória de governantes do passado que entraram e saíram do poder sem enriquecer, investiram na maior parte do que ainda temos aí funcionando em infra-estrutura para o desenvolvimento futuro da nação, seja demonizada e jogada na lama ao mesmo tempo em que assassinos e aspirantes a ditador sejam homenageados nominando logradouros públicos? E fiquem atentos que em breve teremos outros logradouros sendo batizados de Lênin, Stalin, Guevara, Fidel e por aí vai. Não tem futuro não, minha gente! “Estepaíz” nunca foi e, numa contradição de linguagem, “já era".

Diva disse...

Sabe da admiração que tenho por você.
Por sua clareza e dignidade.
Tenho me pego muito desencantada e infeliz com minha cidade, onde o prefeito é investigado por corrupção e nossa justiça lesmérica nada vai fazer em tempo hábil e vejo esta terra que me acolheu sendo tratada desta forma, isso tem me feito muito mal e infeliz.
Você hoje externou completamente a forma como me sinto.
Obrigada mais uma vez amigo por representar tão bem um povo que ainda há de acordar.
Tenho me pego chorando às vezes e agora ao ler seu post, foi um desses momentos.
Um beijo carinhoso da amiga.
Diva
isasan53

Domaneskovisky disse...

Mascate, esta birosca só se endireitar no pau.
phoda-se

Antony disse...

Nobre Mascate,alvíssaras pelo protesto e posicionamento. Ser cidadao solteiro já é um sofrimento, imagine-se tendo filhos para dar exemplo.
Lendo seu texto - que me fez vidrar os olhos por quase 3 minutos -, exalto minha intençao de publicar, em uma enorme faixa em meu apartamento ( moro em frente a orla de Salvador-Bahia ) uma frase direta, seca, de no máximo duas palavras, para que possa ser vista e compreendida por pelegos, petralhas, tucanos, demos e, principalmente, pelo povo-gado que nao se cansa de pastar na verde relva dos estádios.
Peço-lhe, portanto, uma sugestao para esta frase, esta podendo ser enviada para meu email, caso queira abraçar a "causa".
Outrossim, ouso copiar e colar seus posts e charges em meu facebook , pois o utilizo, quase sempre, com a finalidade de promover a instabilidade na cabeça de meu rol de amigos e amigas virtuais.
Ainda nao joguei a toalha pois, como bom espírita, creio que nenhum mal irá durar para sempre, desde que os bons coninuem respirando.
Um abraço do confrade
Marcos Souzza

Anônimo disse...

(...)
eles na imaturidade da juventude e na falta de experiência de vida ficam confusos e desanimados.
E eu percebo que eles não estão nem aí para o Brasil, quando os três chegam para mim e dizem: "Pai, em quem você vai votar?"
E quando respondo em ninguém, eles dizem, então vamos votar em ninguém também.” Especialmente aqui, neste trecho - de sua valorosa vida. Tremendamente comovente – estupendo. Inicialmente fui invadido por um silêncio respeitoso. Depois, reli várias vezes para ter certeza, então veio a emoção...engordurei meu Notbook, lembrei da principal bandeira dos idos de 1960 - droga , sexo e rock end roll. A verdade é que estou sem saber o que dizer, meu caro Mascate. Mas posso dizer algo: também me sinto órfão de representantes políticos, sobretudo do Brasil Nãçao. Porém, contudo, todavia agora posso dizer que sou um órfão que tem um irmão - e camarada! Aproveito o ensejo para me solidarizar com todos os comentaristas. Abraço de tamanduá.

Camuflados disse...

Mascate, se me permite, um texto:
Revolução dos Cravos(Portugal) 25 de abril 1974
por MARIA JOSÉ NOGUEIRA PINTO

Foi Hannah Arendt quem, há muitos anos, melhor previu e indiciou este fenómeno da decadência ou despolitização da política nas democracias liberais do Ocidente.

Tendo sido uma das analistas dos totalitarismos e tendo então feito a equivalência moral entre o hitlerismo e o comunismo soviético, o que não era fácil nos anos 50, a pensadora dedicou também a sua atenção aos problemas da "qualidade política" das democracias ocidentais.

E chamou a atenção para esta degradação da política como espaço público que, cada vez mais, se foi diluindo.

O que ela viu foi este fenómeno de a economia - e dos interesses económicos - ir progressivamente abafando, monopolizando e degradando a política. Porque o sistema socialista marxista produziu sociedades policiais e até concentracionárias, e a estatização da economia resultou na supressão absoluta da política (da polis, como espaço de debate dominado pela preocupação pública).

No Ocidente liberal, esse espaço público foi-se, a pouco e pouco, reduzindo, na medida em que as preocupações económicas (da oikos, da casa) se sobrepuseram, nos cidadãos, às preocupações políticas (da polis, da cidade).

E este fenómeno agravou-se ainda mais com a luta das televisões concorrenciais por quotas de mercado publicitário, e com o fim da Guerra Fria, que removeu uma preocupação política e securitária das sociedades abertas, reduzindo ainda mais o espaço público.

Trinta e seis anos depois do "25 de Abril" não falta matéria de reflexão, a começar pela qualidade da democracia que temos, ameaçada de um perigoso desvirtuamento, antes mesmo de se ter consolidado.

Por um lado assistimos ao progressivo esvaziamento social da representatividade e, por outro, à diluição dos fundamentos da democracia participativa e à descrença do poder dos cidadãos, tudo contribuindo para o desencanto da política e o início de um tempo de decadência em que é próprio deixarmos de pensar e limitarmo-nos a comentar, como dizia George Sorel.

As novas tecnologias criaram, entretanto, uma sociedade descentrada e estruturalmente mediada.

A nova opinião pública tornou-se caricatural, um produto fabricado pelos media, através de sondagens e inquéritos e a sociedade civil, os cidadãos e a cidadania perderam a heterogeneidade e substância conflitual que lhes é inerente.

Marcia Helena disse...

Compartilho de seus sentimentos. Acho que esse país não tem mais remédio, pelo menos, não para eu ver. Acho que devemos começar a procurar algum outro país que nos aceite como cidadãos. Pode ser um lugar onde haja crise econômica, mas onde a corrupção, o erro e a desonestidade NÃO sejam a regra.

Scythian disse...

O LIXIL É UMA MERDA E ESSE BLOG IBIDEM..

Gilrikardo-Blog disse...

Faço minhas tais palavras, assino acima e embaixo, e para garantir transcrevo em meu blog.

Cão que fuma disse...

Cansei de ser brasileiro

Anônimo disse...

PARABÉNS, JÁ COLOQUEI NO MEU FACEBOOK. TEXTO IRRETOCÁVEL. PARABÉNS.

MARIA CRISTINA

"O Mascate" disse...

Aos amigos indignados como eu, obrigado pelas postagens de apoio ou mesmo de desabafo. Percebo que nem sempre estou pregando no deserto.

Abraços a todos.

E para aquele Nazistinha de merda que não gostou, o meu mais sincero PHODA-SE!!

Samuel Mendes disse...

Excelente texto. Meus sinceros parabéns!!!

O Brasil só conserta no pau mesmo! Devemos ir para a briga!!

Anônimo disse...

MASCATE, O PIOR VEM AI, É O RECENTE PROGRAMA BRASIL CARINHOSO, ONDE QUEM TRABALHA VAI SUSTENTAR VAGABUNDOS QUE FICAM EM CASA FAZENDO FILHOS PARA O BOLSA FAMÍLIA. AO INVÉS DE GERAR EMPREGOS PARA ESSA GENTE, O GOVERNO VAI DAR DINHEIRO, POIS ALÉM DE NÃO PRECISAREM TRABLHAR, VÃO GERAR FUTUROS ELEITORES...

Gabriel Theodoro Munin disse...

ENTÃO ARRUMA SUAS MALAS E CHISPA DAQUI VOCÊ NÃO VAI FAZER FALTA ALGUMA

O Mascate disse...

E Gabriel, vc não entende nada de porra nenhuma e acha que pode dar opiniões.
Não mudar DO Brasil, e sim mudar O Brasil.
Sair daqui é coisa para gente que tem preguiça de lutar.