* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *

* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *
"PIMENTORIUM IN ANUS OUTREM REFRESCUS EST"

segunda-feira, maio 16, 2011

Patrimônio do Palocci aumenta 20 vezes em pouco mais de quatro anos.

A polêmica esta lançada na rede, e também em alguns jornais ainda não totalmente chapa branqueados.
Todos querem saber como é que Antonio Palocci conseguiu em pouco mais de quatro anos dar um salto triplo mortal escarpado no patrimônio. Dos R$ 375 mil Reais declarados em 2006 para mais de Sete Milhões de Reais nos dias de hoje.
Oras meus amigos é fácil.
Ele entrou para a política, e se todos percebermos, todo cidadão que entra para a política pode não ficar milionário, mas que melhora de vida à olhos vistos...ahhh isso melhora.
Vejam o caso do Defuntus Sebentus, que antes morava de favor em um apartamento de São Bernardo cedido por um amigo e hoje todos sabemos que até apartamento no Guarujá o Sebentão tem, sem contar o que nem imaginamos, fora a "empresinha" do filho dele que já garantiu o futuro de uma parte da família.
Para melhorar de vida vai depender muito do quanto o cidadão está disposto a entrar na "panela", todos aceitam, uns mais outros menos, e aí vemos que uns estão mais ricos outros menos, tudo é uma questão de até onde a consciência e a coragem de cada um permite ir.
É só olhar os impostos de renda de toda classe política para notar que TODOS, absolutamente TODOS deram um salto em patrimônio após suas eleições, seja lá para que cargo for.
Vejam o caso do Sarney, o velho não trabalha há mais de 50 anos e é dono do Maranhão, de onde saiu o dinheiro para que ele chegasse a tanto? Então..
E é justamente pela facilidade em se ganhar na loteria à cada vez que se é eleito que temos milhares de candidatos em todas as eleições, e os que estão lá querem se reeleger ou passar o bastão para os filhos. tornando a vida política e o cargo público uma espécie de herança que certamente irá perpetuar o patrimônio de cada um deles.
Ou vocês são tão inocentes que ainda acreditam que tem alguma pessoa que sai candidato apenas pensando no bem da população? Todo mundo quer é se dar bem. 
Ou o Romário quando percebeu que a única saída que tinha para não quebrar seria a candidatura ele pensou no povo?
A explicação é simples, e o resultado é sempre positivo, para o político. 
Ao menos o Tiririca foi honesto, ele sempre disse que queria "se arrumá" na vida.
Seria mais fácil fazer uma pesquisa que mostre qualquer político que tenha saído da vida pública phodido sem grana. É só prestar atenção não iremos encontrar nenhum. Tem político que tem até castelo, ou será que já esqueceram? Vejam o caso do filho do Lobão, Senador de primeiro mandato e já tem helicóptero e BMW. Veio de onde essa grana? Oras dos mandatos do pai, e agora o filho vai seguindo a carreira e assim sucessivamente até criarem uma "casta" e acabem virando donos da boiada. 
E a boiada tangida vai continuar votando, pastando, e assistindo futebol para sentir alguma emoção na mediocridade da própria vida.
............................................................................

Share/Bookmark

Nenhum comentário: