* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *

* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *
"PIMENTORIUM IN ANUS OUTREM REFRESCUS EST"

quarta-feira, junho 09, 2010

UNE e PTralhas . Seguindo a cartilha.

USP lamenta ocupação "violenta" e diz estar aberta ao diálogo

A Universidade Estadual de São Paulo (USP) se posicionou, em nota oficial, sobre a ocupação da Reitoria da instituição pelos funcionários, em greve há 35 dias. De acordo com o comunicado, a instituição lamenta a invasão clssificada como violenta e não descarta tomar "medidas legais cabíveis".

Na nota, a universidade afirma que "cerca de 80 manifestantes, entre servidores, alunos e pessoas estranhas à comunidade acadêmica, portando ferramentas pesadas utilizadas em demolição, como marretas, machados e picaretas, vandalizaram as instalações do edifício e consumaram a invasão com a expulsão truculenta da Guarda Universitária".

A USP ainda ressalta que no mês de junho foram feitas quatro reuniões entre a Comissão de Negociação da Reitoria e os representantes do Sintusp e, na última delas, foi apresentada uma proposta de acordo para o fim da greve, rejeitada pelo Sindicato. "Diante dos graves fatos, esta Reitoria se mantém disposta ao diálogo, reservando-se as medidas legais que possam ser cabíveis", concluiu a nota.

Sobre a greve
Funcionários da Universidade de São Paulo (USP) ocuparam o prédio da reitoria da instituição no fim da manhã desta terça-feira em protesto ao corte de salário dos grevistas. Os manifestantes afirmam que permarnecerão no local por tempo indeterminado para pressionar o reitor da universidades a reabrir as negociações e atender às solicitações da categoria.

Os funcionários da USP, Unicamp e Unesp reivindicam aumento salarial de 16%, mais R$ 200, e a volta da isonomia salarial entre professores e funcionários que, segundo eles, foi quebrada quando o governo reajustou em 6% o salário dos docentes sem estender o aumento aos servidores.

................................

Este blogueiro fez uma postagem sobre as greves POLÌTICAS que os "profeçores" da Apeoesp fizeram em SP no mês de Março, dia 25.

Eu já dizia que a próxima manifestação dos paus mandados da PTralhada seria na USP.

"E em breve, os MACAQUITOS vendidos daUNE/USP irão começar a fazer o que sabem, destruir o patrimônio do estado e paralisar as aulas em prejuízo de todos os que realmente querem estudar."

http://o-mascate.blogspot.com/2010/03/professores-ou-gambas.html

E não é que eu acertei?

E lá estão os funcionários com o apoio da UNE, invadiram, depredaram, sujaram, prejudicaram os alunos séri0os e comprometidos, e ninguém vai ser responsabilizado.

O estado irá repor o que foi estragado, e os baderneiros irão continuar impunes.

Esse é o Brasil do PT que só sabe fazer política rasteira, usam e abusam do patrimônio público e a justiça acovardada e inerte se faz de morta.

A USP até as eleições ainda irá sofrer outros ataques. Podem esperar.



Share/Bookmark

Nenhum comentário: