* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *

* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *
"PIMENTORIUM IN ANUS OUTREM REFRESCUS EST"

segunda-feira, março 30, 2009

Se for político não é honesto. Se for honesto não é político.

Recebi e publico no blog, não tenho maiores informações sobre a veracidade dos fatos, mas em se tratando de um político, só pode ser verdade.

APOSENTADORIA ESPECIAL
Alckimim aposentou-se aos 42 anos. Documento do INSS obtido pela coluna mostra que o ex-governador Alckimim não pode reclamar da vida: a aposentadoria especial para anistiado político, concedida em 1996 e requerida um ano antes, retroagiu a 5/10/1988 (8 anos de"retroação"!!), um dia antes de ele completar 43 anos. Ele tinha 22 anos de serviço, na ocasião. O benefício, que em2005 totaliza R$ 8.862,57, está devidamente isento do pagamento de imposto de renda. Senhoras e Senhores, a notícia acima, trazida pela Guilhermina Ferreira Oliva mostra o que se convencionou chamar "dois pesos, duas medidas", pois, ao contrário dos simples mortais brasileiros, Alckimim aposentou-se sem mesmo atingir 25 anos de trabalho, foi contemplado retroativamente com a aposentadoria, mercê da Lei da Anistia, e recebe integralmente, como se na ativa ainda estivesse.O que ocorre, efetivamente, é que Alckimim JAMAIS foi anistiado, porque NUNCA foi cassado, somente esteve preso (em sala especial, não freqüentou celas com grades) na Polícia Federal.A totalidade dos cidadãos brasileiros, "ad eternum" pagará essa conta, EXCETO os anistiados, que estão, ISENTOS de pagamento de imposto de renda, taxação de inativos, e essas coisinhas desconfortáveis atribuídas à plebe rude, assim considerados todos os que não fazem parte da "turma", ou alguns cortesãos que obtiveram algumas ilegítimas migalhas. Os aposentados pelo INSS, sabem bem o que é trabalhar 35 ou mais anos, pagar aposentadoria pelo máximo (tem gente que pagou até pelo teto de 20 salários em salários mínimos) e recebe hoje, em valores de referência, algo que não ultrapassa R$ 1.600,00. Ou seja: bom mesmo foi ser preso, por qualquer motivo, ou até acusado, sem prisão (tudo isso muito melhor do que trabalhar feito doido por 35 anos ou mais...), que a lei da anistia estendeu o perdão amplo, geral e irrestrito, concedendo verdadeiros prêmios lotéricos aos contemplados, a considerar a diferença abissal entre as condições de aposentadoria dos anistiados e do resto da população.Alckimim NUNCA entrará em filas do INSS, não terá que ser recadastrado aos 90 anos.Sua Excelência não sabe o que é um batente diário, aposentou-se com 22 anos de contribuição, 43 anos de idade incompletos, e tudo bem! E depois não querem (não se deve mesmo, não é?) que o brasileiro fraude a previdência, sonegue imposto, e coisas que tais, mas como impedir tudo isso, em um país onde se depara com coisas assim? Não há como deixar de dar razão a Ruy Barbosa:
"De tanto ver crescer a INJUSTIÇA, de tanto ver agigantar-se o poder nas mãos dos MAUS, o homem chega a RIR-SE da honra, DESANIMAR-SE da justiça e TER VERGONHA de ser honesto!"

Share/Bookmark

Um comentário:

Fusca disse...

Com certeza é mais uma invenção dos petralhas, simplesmente não é plausível! Além dos erros de ortografia, lógica e história, tem a cara o lullismo. Deve ser mais um daqueles 'dossiês' que os aloprados chamam de verdadeiros e que a terrorista Estela chama de 'banco de dados'...
Leia no blog do Fuscabrasil a história sobre um falso texto de Karl Marx que 'pegou' incautos bem mais famosos e tidos como experts (Noblat, Nassif, etc)