* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *

* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *
QUANDO A POLITICA INTERFERE NA JUSTIÇA NADA MAIS FAZ SENTIDO

sexta-feira, julho 09, 2021

CAGUEI para essa CPI...

 E foi com essa frase que o presidente Jair Messias Bolsonaro atraiu a indignação dazoposição, dos idiotas uteis, jornaleiros de quinta e daquela parcela da população que cobra que o presidente siga a liturgia do cargo. Enquanto espalha lixo pela cidade...

Oras vão tudo tomanocu!!!

Um povo que vota e faz campanha para o ser mais abjeto que já colocou as patas nos corredores do Planalto, aquele que chama mulher de grelo duro que se mijava em eventos internacionais e sempre tinha um argumento ou uma piadinha sexista ou futebolística se fazendo de falso indignado gente da melhor qualidade educados nos corredores de Sorbonne.

Liturgia do cargo só é lembrada em tempos de Bolsonaro, da ensacadora de vento e do piloto de provas de alambique nada, né?

Sabe o que é mais irritante?  Tanto os dois lixos da esquerda que foram presidentes, todo o congresso nacional, assembleias legislativas, câmaras municipais e seus componentes tem o típico comportamento de botequim sujeirinha, é meus caros, o Tupiniquim médio é o espelho da nossa realidade política, somos uma sociedade infantil e malandra. Acreditamos ser os éxpérrrrtóxxx pica das galaxias.

Vemos isso nos restaurantes onde por mais "fina" que seja a casa vc precisa quase que gritar para conversar com seu interlocutor, a barulheira, o falatório, as risadas acima do normal deixam o ambiente intoxicado de Tupiniquismo. Furam fila, são descorteses no trânsito, bocudos, mal educados, ignorantes e muitas vezes até criminosos, mas quando se trata do Presidente Bolsonaro, se tornam as virgens do puteiro e saem cobrando comportamento exemplar. Não fazem a mínima ideia do que seja, mas saem aos berros da tal liturgia do cargo.

Um povo que vota em troca de uma colocaçãozinha na prefeitura, uma dentadura ou material de construção é o culpado pelo congresso que temos, o povo é culpado pela posição circense do Bananistão diante do mundo.

Os turistas e viajantes Tupiniquins são mal vistos em inúmeros países pelo planeta, mas ainda assim se acham no direito de bater panela contra o presidente. Por acharem estar acima dele moralmente...

Mas uma canequinha de café, um copinho, uma caneta ou outra bugiganga qualquer furtada de hotéis e restaurantes sempre acabam dentro das mais "phinas" malas nos aeroportos internacionais pelaí.

Que atire a primeira pedra aquele que nunca...

Não temos moral para cobrar do PR qualquer liturgia, muitos dirão que não é bem assim, que não tem comportamento fora dos padrões que recomenta a tal liturgia do convivo social.

Não tem é o caraleo!!

Basta ir a em festas ao ar livre da elite burguesa e ofendidinha de ocasião para ver o lixo espalhado, o comportamento alcoólico de encher o fucinho de cachaça e sair fazendo merda, arrumando encrencas ou dando trabalho para o pessoal do SAMÚ.. Sem contar o comportamento agressivo contra os subalternos ou serviçais que na opinião desses remanescentes da corte imperial estão lá para servi-los.

Liturgia do cargo quem deveria ter são os professores que de educadores perderam o bonde da dignidade e se tornaram desonestos militantes políticos fazendo a cabeça da molecadinha em vez de ensinar e preparar para a vida tratam as cabecinhas de seus alunos como depósito de lixo e ajudam a transformar a grande parcela dos jovens em taradinhos ideológicos, maconheiros e militantes de qualquer causa por mais bizarra que seja. Senhores professores, isso é canalhice desmedida, porém ainda cobram comportamento exemplar do PR.

Liturgia do cargo devem os ministros do STF à população que estão traindo dia após dia quando se sujeitam a servir de instrumento político para partidos de esquerda com as piores intenções sobre o futuro DAnacão em vez de apenas julgarem sob as luzes da constituição.

Constituição, outra merda esquerdista que atropela o bom senso e atrasa o país, precisamos urgente de uma constituição que tenha a tal liturgia social. E seja liturgicamente seguida por todos.

Bolsonaro cagar para a CPI é mais do mesmo, todos estamos cagando para essa CPI, aquilo é um hospício misto de circo e presídio, loucas gazelas empoderadas acreditando que são arautos da justiça, bandidos conhecidos bancando os juízes dando e ameaçando testemunhas e investigados com prisões das mais arbitrárias, a oposição fazendo aquele cansativo papel de proteger e dar apoio àqueles que até outro dia eram execrados e tinham suas cabeças a prêmio e hoje se tornaram amigos de infância.. Cadê a liturgia do cargo no Senado ou na CPI?  Aquilo é um puta circo de gentinha que chama vossa excelência de canalha, ladrão cafajeste e outras cositas más... sem perder a liturgia no uso do palavreado rebuscado e hipócrita.

Cadê a liturgia quando um senador ataca cientistas com todas as forças apenas pelo motivo deles não dizerem o que ele queria ouvir para acalentar o ego e manter a narrativa canalha dessa corja de filhosdaputa?

A tal liturgia despenca quando uma CPI para investigar os atos do PR durante a pandemia não esbarram na corrupção escancarada que os governadores e prefeitos deitaram em fazer com o dinheiro federal que foi enviado para salvar vidas, mas o genocida é o presidente.

Falar em liturgia do cargo com um congresso de pústulas com candidatos anacrônicos para o cargo a presidente, onde Circo Gomes deixa as suas ferraduras expostas atirando ensandecidamente para todos os lados, e um preso condenado é solto e tem os crimes suspensos para poder concorrer a presidência da república para garantir péssimas intenções dos ditos progressistas em phoder o país.

Onde anda a tal liturgia do cargo quando um ministro da suprema corte sai prendendo jornalistas e até deputados apenas por pensarem diferente do que se quer?

Ou quando um ministro faz campanha contra o uso do voto auditável com medo dos resultados nas eleições?

Ou onde andará a tal liturgia quando vemos ex companheiros de primeira hora do PR saírem da sua base atirando os mais variados impropérios e acusando o PR de tudo que se possa imaginar, os famosos cuspidores nos pratos que comeram, só pq não conseguiram os almejados cargos na administração federal.

Os tais políticos de uma única eleição 

Liturgia a nova palavra que os ignorantes aprenderam para juntarem ao parco dicionário do negacionista, terraplanista, fascista, genocida, etc..etc..

Bolsonaro foi eleito por não ter travas na língua e as vezes ultrapassa os limites do razoável, e foi por isso mesmo que votamos nele. E votaremos novamente. Agora, nas próximas eleições veremos se os juízes do TSE terão a liturgia de serem ao menos honestos com a população e darão o resultado que o povo dentro da liturgia eleitoral escolheu.


Na verdade eu também caguei para tudo isso...


E PHODA-SE !!!



Share/Bookmark

2 comentários:

Anônimo disse...

Senscional! Continue escrevendo! Abraços!

Anônimo disse...

Você não pode sumir assim. Como vou desopilar o meu fígado!!!!